Aprendendo a Combinar Cores: O Círculo Cromático

13/03/2013 16 Comentários por

cores_terno_coordenacao

Todo homem parece ter uma certa incapacidade nata de combinar cores, existem algumas exceções, é verdade, mas nada que chegue a virar estatística. A solução para este mal é simples desde que você consiga dedicar alguns minutos de sua vida para entender o círculo cromático e algumas das maneiras de se criar harmonia entre as cores.

O que é o Circulo Cromático

É uma representação simplificada das cores percebidas pelo olho humano. Na maioria das vezes ele é representado fatiado como uma pizza, com 12 pedaços, onde cada um deles é representado por uma cor e essas cores são dispostas de maneira a formar um espectro perfeito.

Existem círculos mais complexos que mostram cores primárias, secundárias e terciárias separadas, assim como a escala de tons da cada uma delas, mas vamos nos concentrar nas versão mais simples por enquanto.

cores_circulo_cromatico

No triângulo do centro temos as cores primárias (azul, vermelho e amarelo) que geram as cores secundárias (roxo, verde e laranja). Nos círculo externo temos todas as cores, inclusive as terciárias geradas da mistura das primárias com as secundárias.

Para que serve

Conhecer o círculo cromático e ter um sempre a mão pode te ajudar a criar combinações de cores incríveis que muitas vezes você nem sonhava fazer, ele é usado por artistas plásticos, estilistas, consultores de estilo e mais uma infinidade de profissionais para conseguir uma harmonia de cores perfeita, facilitando, e muito, seu trabalho.

Como usar

Vamos dar algumas noções básicas neste post, mas nos aprofundaremos  no assunto em artigos futuros, pois o tema dá muito pano pra manga!

Harmonia monocromática

É o “tom sur tom” (tom sobre tom) que já foi explicado nesta postagem aqui, ou seja, a combinação de roupas feita com uma mesma cor em diversos tons diferentes. Este tipo de recurso é amado para aqueles que desejam alongar sua silhueta, pois as matizes similares dão uma uniformidade no visual que fazem parecer mais alto e, dependendo da cor, mais magro.

cores_circulo_cromatico_analogas_complementares

Combinações com cores análogas

Escolha uma cor no circulo cromático, a vizinha da direita e a vizinha da esquerda são as análogas dessa cor e, apesar de pouco contrastantes, rendem uma combinação um pouco mais interessante que a monocromática. Geralmente usa-se uma cor como dominante e as outras duas entram nos detalhes.

Combinações com cores complementares

É o que ocorre quando tomamos cores que estão em lados opostos do círculo cromático como o azul e o laranja, por exemplo. Este tipo de mistura tem alto contraste com resultados interessantes e, ao mesmo tempo, ousados.

Combinações em tríade

Acontecem quando optamos por 3 cores que estão equidistantes no circulo cromático, criando um mix de cores vibrantes como verde, violeta e laranja, mas novamente escolha uma cor para ser a dominante e procure deixar as outras para os detalhes.

cores_circulo_cromatico_triade

Estas são apenas algumas opções de coordenação de cores em roupas onde o círculo cromático pode te ajudar, falaremos destas e de outras formas de utilizar esta ferramenta futuramente e com exemplos mais ilustrativos, aguarde!

Leia também:

Destaques, Estilo, Moda Masculina

Sobre o autor

Ricardo Terrazo Junior acredita que com bom senso e iniciativa qualquer homem pode se vestir bem. Quando não está escrevendo aqui divide seu tempo entre seu trabalho como designer gráfico e seu outro site, o Bazar Pop.

16 Responses to “Aprendendo a Combinar Cores: O Círculo Cromático”

  1. Marlisson says:

    Muuuuito bom. Tenho uma certa dificuldade em fazer combinações além das manjadas… mas os círculos ajudam bastante.

  2. Thiago Abrahão says:

    Acho que todo mundo devia ter aula de teoria das cores na escola. É muito válido e ajuda bastante a saber combinar.

  3. Eduardo says:

    Meus parabéns pelo site, sempre tive muitas dúvidas de como utilizar as cores e aí “zapiando” pela web encontrei este site que já foi adicionado aos meus favoritos, muito obrigado!

  4. Hugo says:

    UAU!!
    Me ajudou mto a combinar uma bermuda cargo que eu tinha ca cor coral e não conseguia combinar com nada!!
    Agra já pensei em vários!! 😀

    Mto Obrigado Ricardo!

  5. Fábio Salles says:

    exelente post… espero ver mais detalhes sobre o mesmo! sucesso a todos.

  6. Diego says:

    Pode combinar Duas analogas e uma complementar ao mesmo tempo??

  7. diogo says:

    Imprimindo colorido para colar na porta do guarda roupas em 3, 2, 1…

  8. Jefferson says:

    E o preto e branco, onde entram? Seriam considerados neutros como o jeans?

  9. Murilo says:

    Muito bom, inclusive já solucionou um problema que tinha. Parabéns.

  10. Hugo says:

    Olá.

    Muito legais as dicas, mas ainda não compreendi muito bem como combinar as cores usando o círculo cromático.

    Significa que podemos combinar uma cor com qualquer outra no look e assim sempre elas sempre se encaixarão nas regras de combinação através do círculo cromático? Mas se assim for, então não precisamos utilizar o círculo cromático sempre?

    • Ricardo says:

      Hugo,
      a ideia é usar o círculo sempre e ter um modelo impresso na carteira ou na porta do armário, mas depois de um tempo você nem precisará mais dele, pois já conseguirá visualizá-lo em sua mente.

      Quanto a combinação de cores, ela vale para tudo: camisa com gravata, calça com camiseta, jaqueta com cachecol, em alguns casoso até o sapato com a calça.

      Abs.

  11. Lucke Collins says:

    Olá, estou começando agora a me vestir melhor, rs. Nunca é tarde, rsrs, mas vamos lá, gostei muito das dicas.
    E sobre a cor vinho, qual seria a sua cor complementar ? Seria aquele verde (quase) piscina ?

    Abraços! 🙂

Deixe um comentário