Testamos: Novo Ford Fusion 2.5 Flex

25/02/2013 4 Comentários por

ford_fusion_2013_ft01

Uma coisa é falar sobre o teste feito com uma pomada para cabelo, outra coisa é dar opinião sobre um bólido ultra tecnológico de 92.990 reais, mas acho que consigo dar conta do recado, principalmente por ter adorado a experiência vivida com o novo Ford Fusion 2.5 Flex em Florianópolis, onde fui juntamente com outros blogueiros das mais diferentes áreas, de tecnologia a gastronomia, passando por moda, cultura pop e, obviamente, automobilismo.

ford_fusion_2013_ft02

Design

Como designer gráfico dou muito valor a forma de um produto e acredito que, mesmo inconscientemente, outras pessoas também o façam, pois não há nada melhor do que unir funcionalidade e beleza, coisa que sempre me chamou atenção nos antigos Fusion, mas aqui a Ford se superou, trazendo um desenho vigoroso, com linhas fluidas e marcantes que remetem a esportividade. A grade dianteira é um dos grandes chamarizes, lembrando carros poderosos e sofisticados como o Aston Martin, mostrando a nova identidade da Ford.

ford_fusion_2013_ft07

Tecnologia

Algumas características: sistema de conectividade SYNC com tela de 8 polegadas, sistema de navegação GPS com mapas do Brasil, Bluetooth para conexão com celular, entradas USB, entrada para cartão de memória, entrada para áudio e vídeo RCA, comandos de voz em português para funções de áudio, ar condicionado, navegador , telefone, sistema MyFord Touch com duas telas de LCD de cada lado do velocímetro que podem ser configuradas pelo motorista, banco do motorista com ajuste elétrico e 10 posições com 3 memórias, incluindo retrovisores, direção com regulagem de altura e profundidade, ar condicionado com controles digitais individuais para motorista e passageiro e saídas de ar traseiras para ocupantes do banco de trás, teclado numérico embutido na coluna do motorista para abertura do carro sem chave.

ford_fusion_2013_ft06

O que mais agradou: o reconhecimento de comandos por voz funcionou direitinho, é um pouco burocrático, mas nem por isso menos desejável, os botões touch na barra da porta do motorista são extremamente discretos, muito diferentes daquele teclado de caixa eletrônico que havia nos carros mais antigos, adorei a solução adotada. No painel as duas telas de LCD ao lado do velocímetro tem um design de interface bacana que faz com que elas se encaixem nele, parecendo que são um só elemento, um detalhe que deu um charme especial e me surpreendeu.

Espaço interno

Algumas características: couro especial nos bancos, manopla do câmbio e volante, materiais de qualidade e agradáveis ao toque, espaços para acondicionar diversos objetos,  detalhes em metal, console central de linhas arrojadas, console no teto com porta óculos e luzes de cortesia e leitura, encosto de cabeça ajustável em todos os bancos, encosto traseiro bipartido (60/40) com apoio de braço central, 3 pontos de força 12 V para aparelhos eletrônicos, entre outros.

ford_fusion_2013_ft05

O que mais agradou: o material do revestimento interno tem um visual coeso, nada de couro misturado com tecido estampado ou algo do tipo, os porta objetos são abundantes e estão em locais de fácil acesso, o console central é grande e esportivo, mas não me pareceu exagerado, como ocorre em alguns casos e os pontos de força são mais que bem vindos num mundo onde todo mundo carrega seus gadgets para todo lado.

Por fora

Características: linhas esportivas e aerodinâmicas, mas que mantém a classe, distância entre eixos de 2.850mm, comprimento de 4.871, porta malas com capacidade de 514 litros, sistema avançado de produção possibilitou a criação de uma carroceria ultrarrígida.

ford_fusion_2013_ft04

O que mais agradou; o design poderoso e classudo que atraiu olhares por todos os lugares que passamos e a harmonia das linhas com a grade, os faróis e lanternas, mostrando um projeto bem pensado e atual.

Motor e Performance

Características: motor Duratec 2.5 de alumínio, bicombustível, desenvolvido especialmente para o Brasil, comando variável de abertura de válvulas, sensor de oxigênio linear que reconhece a mistura de combustível no tanque, transmissão automática sequencial de seis velocidades, grade dianteira que se fecha em determinada velocidade para aumentar a aerodinâmica do carro, transmissão com botão na manopla que permite trocas manuais.

ford_fusion_2013_ft11

O que mais agradou: motor silencioso, detalhe que sempre me conquista, mas confesso que não sou tão exigente no quesito  potência, pois não sou de forçar muito meu carro, mesmo assim posso dizer que, apesar do passeio tranquilo, o motor pareceu responder bem quando foi necessário.

Outras características:

Oito airbags, os laterais tem um sensor que regula o ar das bolsas de acordo com o tamanho do passageiro, Freios ABS, assistente de partida em rampa, câmera de ré e sensor traseiro, faróis com temporizador que se apagam algum tempo depois do fechamento das portas, 8 alto falantes, banco do motorista e passageiro com sistema de aquecimento, chave MyKey que limita a velocidade e dispara uma série de alertas quando o carro é usado por outro motorista, faróis com acendimento automático, sensor de chuva, lanternas de LED e faróis de neblina dianteiros.

Valor

Tudo isso que foi mostrado até agora faz parte do modelo 2.5 Flex ao valor de R$92.990,00, o que não é pouco dinheiro, mas, ainda assim, mais barato que todos os concorrentes de sua categoria e com diversos recursos a mais. Desembolsando mais R$4.000, 00 você leva o único opcional deste modelo: o teto solar.

O Ford Fusion 2.5 Flex está disponível nas cores perolizadas branco Sibéria, preto Bristol, cinza Berlin, Vermelho Bordeaux, Vermelho Vermont e Azul Carmel.

Mais informações: www.ford.com.br

ford_fusion_2013_ft10

Este é o Fusion que usamos em nosso test drive.

Opinião do autor:

Apesar de não ser um carro barato, o Ford Fusion 2.5 Flex é o mais completo e luxuoso de sua categoria, ou seja, um bom investimento para quem procura um veículo deste tipo. Quanto ao design, nem é preciso dizer que a concorrência vai ter que ralar muito para superar as linhas arrojadas do Fusion, pois o carro da Ford parece ser como um bom vinho, só melhora com o tempo.

Veja mais fotos do test drive acessando a galeria de fotos na fanpage do Canal Masculino no Facebook.

Saiba agora opinião da galera que esteve presente no evento e também testou o carro:

AutoBlog – Review AutoBlog: Dirigimos o Novo Fusion 2.5 Flex
Pardal Carioca – Ford Fusion Flex
TargetHD – Evento especial: lançamento do novo Ford Fusion 2.5 Flex 2013
Lidifaria – Media Drive – Novo Fusion Flex

Leia também:

Destaques, Tecnologia, Wishlist

Sobre o autor

Ricardo Terrazo Junior acredita que com bom senso e iniciativa qualquer homem pode se vestir bem. Quando não está escrevendo aqui divide seu tempo entre seu trabalho como designer gráfico e seu outro site, o Bazar Pop.

4 Responses to “Testamos: Novo Ford Fusion 2.5 Flex”

  1. Media Drive: Novo Fusion Flex – lidifaria.com says:

    […] media drive: AutoBlog – Review AutoBlog: Dirigimos o Novo Fusion 2.5 Flex Canal Masculino – Testamos: Novo Ford Fusion 2.5 Flex Pardal Carioca – Ford Fusion Flex TargetHD – Evento especial: lançamento do novo Ford Fusion […]

  2. Bruno Lopes says:

    Parece um sapo a frente do carro.

  3. Claudio Fernando says:

    Com certeza o novo fusion é um carro que vai vender bem por aqui, apesar que os coreanos estavam avançando bem, mas o honda accord é um inimigo de respeito e vai lutar pelos seus fãs.
    Fora isso, excelente matéria, muito autentica, espero que continuem a escrever sobre carros.

Deixe um comentário