Testamos: Earphone Bomber EB 60

19/03/2013 4 Comentários por

earphone_bomber_eb_60_ft01

Depois da invenção dos arquivos MP3 talvez o iPod tenha se tornado o melhor amigo do homem, seja em momentos de tranquilidade e descanso ou para fugir da loucura das grandes cidades com seu barulho incessante. Aqui no Canal Masculino ainda tenho uma outra tarefa que requer um bom fone que é a edição de podcasts, onde um acessório deste tipo é fundamental.

A Bomber, empresa sediada no sul do país, nos enviou dois de seus produtos para teste, inicialmente falarei da minha experiência com o earphone EB 60 cujo custo benefício considero extremamente satisfatório.

earphone_bomber_eb_60_ft02O EB 60 tem o preço sugerido de R$49,00 a R$69,00, ou seja, um pouco mais que o dobro que aquele produto de baixa qualidade que você encontra para vender até em banca de jornal, e é exatamente aí que está o diferencial deste earphone: a qualidade. Arrisco dizer que o EB 60 briga de igual para igual com muitos exemplares cujos valores chegam perto dos 100 reais, pois sua construção, com cabo flat e corpo em alumínio, além da qualidade sonora, claro, só merece elogios.

Outra característica deste produto é o fato de tratar-se de um earphone intra-auricular, dando maior sensação de isolamento sonoro, característica que agrada a alguns e desagrada outros, mas isso é uma questão de gosto e também de costume, pois eu mesmo não era fã deste tipo de fone e aos poucos estou me adaptando.

Diferenciais:

– Subwoofer style
– Corpo de alumínio
– Cabo plano

Prós

– Cabo chato é mais resistente e mais difícil de ficar todo enroscado;
– Bonito design;
– Som claro e potente;
– O corpo de alumínio é bem robusto;
– Preço acessível.

Contras

– É intra-auricular, o que não agrada a todos;
– Não tem opções em outras cores.

Informações técnicas:

– Driver 8mm
– Impedância 16Ω
– Sensibilidade 100dB
– Resposta em frequência – 20Hz – 20Hz

Mais informações: www.bomberheadphones.com.br

Obs: Consulte o site da marca para saber pontos de venda e lojas que vendem pela internet.

Leia também:

Destaques, Tecnologia

Sobre o autor

Ricardo Terrazo Junior acredita que com bom senso e iniciativa qualquer homem pode se vestir bem. Quando não está escrevendo aqui divide seu tempo entre seu trabalho como designer gráfico e seu outro site, o Bazar Pop.

4 Responses to “Testamos: Earphone Bomber EB 60”

  1. Alexandre says:

    Tive a infeliz experiência de partir o cabo do fone de ouvido do meu Nokia N8, então parti a procura de algum modelo que apresentasse a mesma qualidade do mesmo. Na procura por um parecido, que agrega o microfone para atender chamadas não encontrei nenhum à altura por um preço compatível, testei alguns da própria Nokia, Samsung, LG e até xingling que nem estéreo eram. Não encontrei nenhum com qualidade satisfatória.

    Parti então para os fones normais, sem o microfone para atender chamadas.

    em ambos os casos a grande frustração é na maioria dos casos não ser possível experimentar o produto antes da compra, se for uma porcaria e quiser trocar é uma burocracia…
    Vendo este review eu arrisquei a comprar um desses fones e não me arrependo.
    Na ocasião comprei a edição Rock’n Rio que estava apenas R$39,90. A qualidade é tão boa quanto ou até melhor que meus fones originais do N8. A construção é bem feita e apesar de ser de alumínio não é pesado. A única coisa que não aprovo totalmente é a cor vermelha do cabo, mas é questão de gosto mesmo.

  2. vinícius says:

    ola comprei um eb- 60 deste e com 3 meses de uso o cabo quebrou 4 cm do plug para min continuar utilizando emendei o cabo, com algum de vçs aconteceu o mesmo? gosto muito desse fone e to com duvidas em comprar um igual e acontecer o mesmo mesmo estando apenas 39 no site da bomber

    • Ricardo says:

      Vinícius,
      o meu também teve esse problema depois de mais de um ano de uso, mas admito que a culpa foi minha, acertei uma tremenda pancada com o braço enquanto caminhava, não tinha como não partir, mesmo assim foi meu fone que mais resistiu. Você já pensou em consultar a empresa para saber se há garantia para esse tipo de problema?
      Abs.

Deixe um comentário