O Que é Cashmere e Porque é Tão Valorizado?

6

O Que é Cashmere e Porque é Tão Valorizado?

Por mais estranho que possa parecer, o cashmere (ou caxemira) não é considerado um tipo de lã, e sim um pelo de espessura finíssima*. Para você ter uma ideia, o fio extraído de merino, usada no seu terno de lã fria, a lã de ovino mais fina que existe, é bem mais grossa que o pelo da cabra Hircus, também conhecida como cabra-da-caxemira, usado na fabricação de roupas consideradas cashmere.

Como é feito o cashmere (caxemira)

A matéria-prima de uma autêntica peça de cashmere é retirada do subpelo do animal, uma camada que garante o isolamento térmico nas baixas temperaturas do seu habitat natural, a região Kashmir, no Himalaia, chegando a 20 graus negativos no inverno. Na primavera essa camada é naturalmente descartada e colhida manualmente com um pente especial sem gerar nenhum estresse ou sofrimento para o animal, já que não há realmente uma tosa.

Neste vídeo você pode ver como é colhido o pelo da cabra Hircus:

Assim como acontece na lã fria, quanto mais fino o fio colhido da cabra Hircus, mais qualidade na peça de roupa e agradável no toque. Para que o cashmere assim seja considerado é preciso que o pelo tenha no máximo 19 mícrom (ou seja, 19 vezes a milésima parte de 1 milímetro) e 35mm de comprimento, mas os fios mais delgados podem chegar a 15 mícrom, qualquer coisa fora dessas especificações é chamado de pelo de hircus ou pelo de cashemere, mas não é considerado tecnicamente cashmere.

Cada cabra produz aproximadamente 200 gramas de material por ano, o que não é muita coisa se levarmos em consideração que um suéter masculino precisa do material de quase 4 animais, enquanto uma ovelha sozinha fornece lã para várias malhas.

…….

Qualidade incomparável do cashemere

O cashmere, embora mais fino que a seda, é também muito resistente e forte; além de possuir alta respirabilidade, absorção de umidade e isolamento térmico. É possível admitir que nenhuma fibra natural consegue se igualar a ele em número de características e funcionalidade.

…….

Origem do cashmere

Para os moradores do Nepal o cashmere é um tecido conhecido há milhares de anos, com registros mais antigos sendo do século III a.C., mas foi só com a chegada do Império Britânico no Oriente, no século XVIII, que ele se tornou sucesso entre os aristocratas ingleses, conquistando, em seguida, toda a Europa e, consequentemente, o Ocidente.

…….

Roupas feitas de cashmere

O Que é Cashmere e Porque é Tão Valorizado?

O item mais comum que faz parte da indumentária masculina é o suéter, e quem já teve uma peça desse material sabe o quão agradável é vestí-la em um dia de inverno.

Além dessa peça também podemos encontrar meias, cachecóis, toucas e casacos que fazem uso das propriedades do cashmere, embora o item mais clássico seja a pashmina que não faz tanto sucesso com os homens quanto com as mulheres, claro.

…….

Por que os suéteres de cashemere são tão valorizados?

O Que é Cashmere e Porque é Tão Valorizado?

Bem, acho que tudo que foi explanado pode te dar uma boa ideia do valor do cashmere, mas basicamente tudo se baseia em o quanto o material é raro, nobre, confortável e funcional, mais do que qualquer outra fibra natural, certo?

Errado…

Aqui chegamos a um “plot twist” digno de cinema:  ; )

Há pouco tempo pesquisadores brasileiros descobriram que alguns tipos de cabra criados em solo tupiniquim podem fornecer um fio ainda mais fino do que o da cabra-da-caxemira, entre elas a raça Boer, usada na caprinocultura de corte.

O mais incrível é que além de conseguir tecido com qualidade superior, as cabras brasucas fornecem um volume de 1 kg de matéria-prima.

Só resta agora incentivar os criadores e as confecções a investir nisso, divulgando esse produto para o mundo. Parece muito, mas o Perú deve ter passado por esse mesmo processo, e o algodão pima, embora fosse velho conhecido dos peruanos, só há pouco tempo alcançou fama mundial, graças, principalmente, a um bom marketing.

Você pode conferir a matéria completa sobre esta descoberta aqui.

Por enquanto o cashmere segue sendo considerado a fibra mais valiosa e mais popular entre as grifes mais adoradas e conceituadas.

…….

Cashmere é um tecido caro?

O Que é Cashmere e Porque é Tão Valorizado?

Depende… com a produção mundial crescendo a tendência é que o preço caia um pouco, além disso a procedência da peça pode influenciar, e muito, os números que você vê na etiqueta. Um cashmere de altíssima qualidade feito na Itália pela grife Loro Piana não sai por menos de 700 euros (mais de 3.500 reais)o que é uma fortuna se você não é desses fedelhos que pagam mil reais em uma camiseta da Supreme – mas em uma loja de fast-fashion é comum encontrar uma malha desse material por algo em torno de 100 dólares ou bem menos se você não se importa de comprar um pseudo cashmere híbrido com outras fibras, o que não significa um tecido ruim, apenas não tão nobre. Um exemplo claro dessa diferença entre marcas e preços você pode ver comparando estes dois produtos na mesma loja, aqui e aqui.

Uma dica: ao comprar verifique a etiqueta, muitas vezes as marcas usam da malandragem de nomear as peças, como cashmere ecológico, cashmere tech ou sabe-Deus-o-quê, mas quando você olha a composição descobre que é tudo poliéster imitando ou 90% algodão com 10% de cashmere como no caso deste produto aqui. Se quiser fazer o tira-teima basta puxar uma fibra da blusa e queimar com um isqueiro, ela deve ficar com a mesma aparência de um fio de cabelo que teve contato com o fogo.

…….

*Não encontrei o motivo pelo qual o cashmere é considerado pelo e não lã, já que a lã também pode ser de origem caprina. Se alguém souber, por favor, deixe sua contribuição nos comentários, ficarei agradecido!

6 COMENTÁRIOS

  1. Bom dia Ricardo,

    Complementando teu artigo: a lã fria vem do ovino da raça Merino Australiano e através de seleção genética, já estão sendo produzidos lãs com diâmetro abaixo de 15 mícrons, isto é, mais fino que o Cashmere.

Deixe uma resposta