Dica: A Diferença Que a Gravata Faz

31/10/2012 Sem comentários por

Sempre que alguém fala em terno, instantaneamente lembramos da gravata, mas existem ocasiões em que ela pode atrapalhar, afinal, não é toda hora que precisamos estar com o nó corrediço apertando o pescoço. Entretanto, esses momentos não são necessariamente menos importantes, podem ser um jantar em um restaurante bacana, um encontro, uma festa ou até mesmo um casamento, tudo depende do dress code do local/evento, se permitir um visual mais descolado, deixar a gravata em casa pode ser a melhor opção.  Ainda assim, um terno bem cortado e mais ajustado, uma camisa bonita e até um colete, como no exemplo da foto, continuam tendo um peso enorme na sua apresentação, portanto não relaxe, mantenha-se alinhado, aproveite para abrir uns dois botões da camisa e divirta-se.

Leia também:

Destaques, Estilo

Sobre o autor

Ricardo Terrazo Junior acredita que com bom senso e iniciativa qualquer homem pode se vestir bem. Quando não está escrevendo aqui divide seu tempo entre seu trabalho como designer gráfico e seu outro site, o Bazar Pop.
No Responses to “Dica: A Diferença Que a Gravata Faz”

Deixe um comentário