Bolsa Carteiro: Sua História e Porque Ela é a Preferida dos Homens

30/06/2013 8 Comentários por

bolsa_carteiro_messenger_bag_ft02

Entre tantos modelos de bolsas masculinas (Tote Bag, Holdall, Bowling Bag, etc.) a Carteiro é um dos modelos de maior sucesso, ficando apenas atrás das mochilas, talvez. A verdade é que graças a sua maneira prática de carregar (pois deixa as mãos livres), seu espaço (na maioria das vezes generoso) e sua aparência casual e jovem, homem encontrou nela o acessório ideal quando se viu obrigado a adicionar um considerável número de itens ao seu cotidiano, resultado do panorama tecnológico atual, onde notebooks, tablets, câmeras, smartphones, além de seus respectivos acessórios, tornaram-se imprescindíveis, principalmente durante as horas de trabalho.

bolsa_carteiro_messenger_bag_ft01

Mas a origem da Bolsa Carteiro, ou Messenger Bag como é chamada em outros países, é bem anterior a isso tudo, a operação californiana de entrega de correspondências chamada Pony Express já usava uma bolsa similar durante o curto período em que esteve em operação em 1860/1861. A versão consagrada, com a alça, feita de lona e com a aba frontal, foi criada para a empresa de Mensageiros de Nova Iorque na década de 50 por De Martini Globe Canvas Company para que incluiu também um bolso interno para um talão de recibos.

bolsa_carteiro_messenger_bag_ft06

Nos anos 80 a Bolsa Carteiro foi redesenhada, passando a ser feita com nylon e ganhando faixas reflexivas, que acabou por tornar-se o padrão para todas as peças deste tipo até hoje, passando a serem usadas pela maioria dos funcionários de empresas que prestavam serviços para a cidade como correios e telefônica, por exemplo.

bolsa_carteiro_messenger_bag_ft08

Graças a versatilidade de uso deste tipo de bolsa, capaz de suportar peso, fácil de abrir e impermeável (pelo menos os modelos originais) a Messenger Bag passou a integrar o cotidiano dos mais diferentes tipos de pessoas e com os mais diversos ofícios: do executivo que adotou o modelo em couro, mais chique, ao estudante ligado na bolsa em lona encerada, mais casual e utilitária, um verdadeiro “pau para toda obra” que enfrenta chuva, resiste a trancos e raspões, sempre mantendo seu material seguro.

bolsa_carteiro_messenger_bag_ft04

Com o tempo e a partir do momento que a Bolsa Carteiro ocupou seu espaço no panteão fashion, os designers se encarregaram de dar novos ares ao acessório: tecidos diferentes, cores inusitadas, novas funcionalidades e alças mais confortáveis foram surgindo para provar que não é fácil tira-lá do topo da preferência do homem moderno. Hoje os modelos em couro acompanham ternos impecáveis, os feitos de tecido como moletom ou feltro fazem a cabeça dos fashionistas, a lona ganhou ares vintage, detalhes em metal e costuras aparentes conquistando os hipsters e os modelos esportivos em nylon são presença certa nas academias e clubes.

bolsa_carteiro_messenger_bag_ft05

Se prestarmos atenção notaremos que o modelo é presença marcante tanto em revistas dedicadas a vida dos famosos quanto em produções hollywoodianas, pois seu estilo é cativante. Celebridades como Brad Pitt e David Beckham foram flagrados diversas vezes com suas inseparáveis Messenger Bags, mas talvez o usuário mais notório deste tipo de bolsa seja um personagem de ficção, afinal quem não se lembra de Indiana Jones colocando uma estatueta de ouro dentro de sua surrada Carteiro em “Caçadores da Arca Perdida”?

bolsa_carteiro_messenger_bag_ft12

Na galeria abaixo alguns exemplos de Bolsas Carteiro selecionados pelo Canal Masculino para que você tenha boas referências quando for procurar a sua:

Leia também:

Destaques, Estilo, Galerias de Fotos, Moda Masculina, Multimídia

Sobre o autor

Ricardo Terrazo Junior acredita que com bom senso e iniciativa qualquer homem pode se vestir bem. Quando não está escrevendo aqui divide seu tempo entre seu trabalho como designer gráfico e seu outro site, o Bazar Pop.

8 Responses to “Bolsa Carteiro: Sua História e Porque Ela é a Preferida dos Homens”

  1. Diego Santana says:

    Ótima matéria, amo bolsas assim.

  2. Cesar Augusto says:

    Ricardo Excelente matéria…
    Você teria alguma loja em especial para indicar ?

    Aliais parabéns pelo seu site, adoro todas as matérias.
    Abraço

  3. Adam Foerster says:

    Sempre gostei de bolsas assim mas a dificuldade é encontrar bolsas carteiro realmente práticas.

    As melhores sempre acabem tendo um ou mais pontos negativos.

    Ou é o zíper que é de baixa qualidade ou o material é ruim, ou faltam compartimentos para colocar muidezas (canetas, óculos de sol, carteira etc).

    Uma alternativa que encontrei foram marcas mais voltadas para o mercado aventura como a Maxpedition ou Vanquest. Tem excelente qualidade e praticidade mas perdem no quesito visual.

  4. Celio says:

    Bom dia Ricardo

    Por gentileza, qual o modelo e a marca da primeira bolsa?

    Fico no aguardo, muito obrigado.

    Celio

  5. daniel says:

    Ricardo, a partir de que idade a pessoa tem que deixar a mochila e começar a usar uma bolsa carteiro?. meu filho tem 13 anos e se ele usasse uma bolsa carteiro seria o único no colégio. tenho medo que possam ridicularizá-lo ou chama-lo de menina. acha que eu deveria dar uma para ele começar a enfrentar a sociedade logo cedo?

    • Ricardo says:

      Daniel,
      não existe um “tem que deixar de usar”, a pessoa muda o acessório conforme vai se sentindo a vontade com ele. Se seu filho gosta da bolsa carteiro, deixa o garoto, provavelmente vai saber lidar com os babacas.

      Abs.

Deixe um comentário